A Força da vaia X Força da mudança.

Olá amigos celestes, venho dessa vez trazer um assunto polêmico que é amplamente discutido entre torcedores em grupos de facebook rodas de bar e outros, não é novidade para ninguém que o Cruzeiro desmontou seu time vitorioso de 2013 e 2014, mudamos a forma de jogar e várias peças de reposição chegaram para compor o elenco celeste e se estas peças vão se encaixar no esquema tático do Marcelo ainda não sabemos.

Vou ponderar alguns pontos que julgo principais:

O time de 2013 também teve uma reformulação gigante e lembro ainda que perdemos o mineiro daquele ano. O Cruzeiro conseguiu se estruturar e mudar sua forma de jogar e com a força da torcida + Mineirão trilhou uma maravilhosa trajetória para dois títulos do Brasileiro.

Pessoal, por várias e várias vezes vejo cruzeirenses mais fanáticos chamando a torcida de torcida modinha, este termo tem sido cada vez mais difundido quando torcedores vaiam o time a qualquer custo, do outro lado os torcedores mais exaltados dizem que tem total direito de vaiar e que não tem que apoiar o time incondicionalmente, bem, meu ponto de vista e bem radical em relação a isso, VAIAR um time que foi quase totalmente desmontando na sua PRIMEIRA partida em casa e no minimo BURRICE.

Frequento o mineirão facilmente a 15 anos, vi muitas glórias celestes e inclusive uma grande mudança de comportamento da torcida celeste, na década de 90 eu achava a torcida MUITO exigente e em contra partida menos presente, hoje eu já vejo uma torcida mais presente e MUITO menos paciente.

Falando em épocas mais recentes eu gosto de citar o exemplo de jogadores como Fábio (este ainda muito criticado por alguns), Egidio, Ramires e o próprio Goulart que tanto faz falta hoje, todos este jogadores já foram amplamente vaiados e xingados a plenos pulmões por grande parte da torcida cruzeirense, ai você me diz: PQP Bruno, não posso cobrar? não posso xingar? eu pago ingresso igual a você!, Tudo bem, só acho que se deve vaiar o time Após o jogo se necessário e nunca durante ou na saída para o intervalo a não ser que o time esteja jogando de forma absurdamente ridícula, assim como ontem! (credo, que pelada) mas poxa, vaiar um time que esta todo remendado sem as principais peças e incoerente. E nessa hora que mais temos de apoiar o time e eu realmente acredito no poder de treinamento do Marcelo Oliveira, quem joga bola sabe como é complicado jogar sem esquema e sem entrosamento e as vezes só a vontade não ajuda.

Vi pessoas dizendo que por ser sócio tem direito de cobrar dobrado, BULLSHIIIT! sou sócio para ajudar o clube e ter meu lugar garantido, ser sócio e um privilégio e não um direito, não quer ser? cancele mas se é seja de coração! o time precisa de nós e de nosso apoio, certamente mais jogos feios vão vir mas precisamos dar tempo e torcer para que dê certo, mineiro pra mim é pré temporada, o erro pode acontecer mas a Libertadores bate a porta não devemos jogar essa pressão em cima do elenco.

Espero que entendam onde quero chegar, nos temos a força da mudança assim como o Cruzeiro está tentando mudar para melhorar a gente como torcedor fiel devemos apoiar! eu sai de casa domingo a tarde em um clima frio e chuvoso para apoiar e não vaiar, já o Julio Baptista e dificil defender pois realmente não consegue jogar bem mas deixem para vair DEPOIS do jogo, vamos apoiar galera, afinal Somos loucos da cabeça e AMAMOS O CRUZEIRO é o que interessa.

Apresentações e novo zagueiro chegando

O Cruzeiro finalmente apresentou o Willians e o Paulo André, ambos os jogadores chegam com grande apreensão por parte da torcida celeste pois o sistema defensivo ainda não passa aquela tranquilidade que desejávamos! na verdade eu acho que a última zaga que eu senti segurança foi com Bruno Rodrigo em boa fase e Dede já no final do Brasileiro de 2013.

Paulo Andre ainda está um pouco fora de forma e deve demorar ainda alguns dias para entrar em boa forma física já o Willians estava jogando no Inter e já esta pronto para atuar pelo Cruzeiro.

Outro novidade é a contratação do Zagueiro da Chapecoense Douglas Grolli o Cruzeiro e a chapecoense já tem um acordo firmado e só falta a assinatura do contrato com o jogador, ele sera a 12º contratação do Cruzeiro para a temporada.

Cruzeiro vence e Damião desencanta!

O Cruzeiro fez um bom primeiro tempo principalmente pelo bom futebol apresentado pelo Arrascaeta,Damião que a três jogos com a camisa celeste ainda não tinha conseguido marcar ontem meteu 2 gols no Guarani sem contar com a outra boa atuação de Judivan que mais uma vez entrou bem e também marcou seu gol.

Este time vai entrosar!

GUARANI 1 X 3 CRUZEIRO
Local: Arena do Calçado, em Nova Serrana (MG)
Data/Hora: 11/2/2015, às 22h
Árbitro: Emerson de Almeida Ferreira.
Auxiliares: Celso Luiz da Silva e Luiz Antônio Barbosa.
Cartões amarelos: Carlos Renato, Vinícius Kiss (GUA); Mena (CRU)
Gols: Leandro Damião, 14’/2ºT (0-1); Judivan, 35’/2ºT (0-2); João Carlos, 37’/2ºT (1-2); Leandro Damião, 46’/2ºT (1-3)
GUARANI: George, Roger (João Carlos, 36’/2ºT), Marx Freud, Thiago Papel e Carlos Renato; Rafael Jataí, Leandro Ferreira, Djalma (Vinícius Kiss, 21’/1ºT) e Michel Cury; Marcinho (Walterson, 28’/2ºT) e Fábio Júnior. Técnico: Gian Rodrigues.
CRUZEIRO: Fábio, Mayke (Eurico, 19’/1ºT), Fabiano, Léo e Mena; Willian Farias (Seymour, intervalo), Henrique, Marquinhos, De Arrascaeta e Willian (Judivan, 22’/2ºT); Leandro Damião. Técnico: Marcelo Oliveira.

 

Cruzeiro vence e Damião desencanta!

Cruzeiro vence e Damião desencanta!

O Cruzeiro fez um bom primeiro tempo principalmente pelo bom futebol apresentado pelo Arrascaeta,Damião que a três jogos com a camisa celeste ainda não tinha conseguido marcar ontem meteu 2 gols no Guarani sem contar com a outra boa atuação de Judivan que mais uma vez entrou bem e também marcou seu gol.

Este time vai entrosar!

GUARANI 1 X 3 CRUZEIRO
Local: Arena do Calçado, em Nova Serrana (MG)
Data/Hora: 11/2/2015, às 22h
Árbitro: Emerson de Almeida Ferreira.
Auxiliares: Celso Luiz da Silva e Luiz Antônio Barbosa.
Cartões amarelos: Carlos Renato, Vinícius Kiss (GUA); Mena (CRU)
Gols: Leandro Damião, 14’/2ºT (0-1); Judivan, 35’/2ºT (0-2); João Carlos, 37’/2ºT (1-2); Leandro Damião, 46’/2ºT (1-3)
GUARANI: George, Roger (João Carlos, 36’/2ºT), Marx Freud, Thiago Papel e Carlos Renato; Rafael Jataí, Leandro Ferreira, Djalma (Vinícius Kiss, 21’/1ºT) e Michel Cury; Marcinho (Walterson, 28’/2ºT) e Fábio Júnior. Técnico: Gian Rodrigues.
CRUZEIRO: Fábio, Mayke (Eurico, 19’/1ºT), Fabiano, Léo e Mena; Willian Farias (Seymour, intervalo), Henrique, Marquinhos, De Arrascaeta e Willian (Judivan, 22’/2ºT); Leandro Damião. Técnico: Marcelo Oliveira.

Bruno Santos
bruno@portalceleste.com.br
www.facebook.com/portalceleste